Image and video hosting by TinyPic />

Sentindo na própria pele - Mônica de Castro (Sinopse)



SINOPSE
Nada substitui a experiência. Entretanto, quando você se apressa em julgar as atitudes alheias segundo seus próprios padrões, acredita estar de posse da verdade. Quanta ilusão! Como saber o que vai ao íntimo dos outros? Como avaliar emoções que você nunca sentiu? Como saber o que vai além das aparências? Como descobrir os limites da sua resistência e certas tentações, se você nunca foi tentado? A vaidade faz crer que você sabe a melhor solução para os problemas dos outros. A sabedoria da vida tenta mostrar—lhe o relativismo do seu julgamento, trabalhando sua inteligência de várias formas, mas se você resiste, apegado aos próprios conceitos, ela coloca em sua vida uma situação igual à que você criticou, para que, SENTINDO NA PRÓPRIA PELE, você possa compreender esse relativismo e aprenda a respeitar a privacidade dos outros.

"Sentindo na própria pele" de Mônica de Castro - Obra espírita.

Nenhum comentário: