Image and video hosting by TinyPic />

Mente, máquina suicida!





A mente humana é de fato uma máquina suicida! Eu feliz da vida, vidinha toda “nos conformes”, feliz da vida mesmo e, de repente, me pego pensando em fatos, situações e pessoas que me causam um tipo de preocupação. Por que isso? Afinal, nos relacionamos com inúmeras pessoas e sempre existirá algum tipo de problema na vida delas e, óbvio, que por mais que tais pessoas nos sejam caras, somos impotentes, não temos como mudar a vida de quem quer que seja... A única coisa que nos é possível é enviar energias benéficas para auxiliá-las a encontrar a luz. Nossas próprias vidas também são cheias de “altos e baixos”, tipo eletrocardiograma, é assim mesmo, tudo é cíclico. Eu tenho essa compreensão, mesmo assim, hora ou outra me pego pensando em alguém que amo e está num período "dawn". É... Mas por mais que eu tenha tal compreensão dos ciclos da vida, vez em quando, é necessário fazer uma ginástica mental para “botar a correr” tais inquietudes que não vão acrescentar nada, que não vão mudar a vida de tal pessoa tão amada por mim, enfim... Sei que estou “queimando cartucho”, desperdiçando energia e que devo esvaziar minha mente de tudo, tudo mesmo, aquele tudo que não me levará a nada devo deixar que se vá! Seja quem for e o que estiver passando, é porque tem que ser assim. Algumas vezes eu a odeio pelo comportamento dela, pelo seu jeito submisso, por ela não saber demarcar seu espaço e a odeio mais ainda por ela me “pilhar”, me tirar do eixo... Eu a odeio quando a vejo infeliz, me revolta vê-la infeliz, me faz sair do prumo! É nesse instante que me vem mil dedos imaginários na minha cara dizendo que eu tinha que dar uma vida melhor a ela, que sou incompetente por não poder retribuir a altura tudo o que ela me deu! E pra que isso? Por que sinto esse peso todo nas minhas costas? Por que me sinto responsável por outra existência além da minha? A vida dela é dela, as escolhas são dela... E além do mais, o que considero correto ela considera errado... Pois é,  eu tenho que deixá-la ser como quiser e tenho que me deixar em paz! Ela reencarnou e está aqui para viver experiências únicas e individuais, para evoluir espiritualmente e comigo ocorre o mesmo, então não há porque sentir culpa de não poder oportunizar outra vida a ela, pois esta é a vida dela e eu SOU DEUS EM MIM, não posso ser Deus nela! Certamente, ela também desejou muitas vezes que eu não passasse por situações que passei e por mais que me amasse jamais pôde me tirar de tais períodos nebulosos! Então tá, estamos quites, se pudéssemos salvaríamos de tudo de ruim uma a outra... Tudo “óquei”, mesmo sem podermos dialogar por falarmos línguas diferentes temos uma verdade entre nós, o amor, então estamos quites!

By   Lu Scheffelbain


4 comentários:

Ivone Poemas disse...

Oi Lu querida! Quanta inquietação aqui em seu texto, quanta sensação de impotência minha linda!
É dificil sentir o que você está sentindo em relação ao ser mencionado aqui,pois até posso deduzir quem seja, mas aqui estou só pra te dizer que eu também passei por isso, todos nós passamos minha linda, e isso é para nos fazer ter mais fé em nós mesmos e deixar a vida resolver do jeito que tem de ser!!!
Cada qual vem a esse mundo só e também assim irá daqui, cada qual, portanto mande sim energias positivas e mais nada!
Seja leve, não se cobre demais, não se cobre por o que não é de sua alçada, ok?
Beijos mil em seu coração!
Te quero sempre bem e também te ver sempre bem!!!
Ivone poemas
henristo.blogspot.com

Eu LU na LUZ disse...

Ivone, minha amiga mais que querida! Vez em quando coração fica inquieto, apertado, enfim, parece que dá uma bobeira na gente e esquecemos tudo que aprendemos até então... Aaaffff! Mas nós que buscamos a LUZ logo exorcizamos tais pensamentos, Graças a Deus a lucidez se faz presente e as sensações ruins vão embora! Cada pessoa é única e possui sua caminhada, por mais que vivamos no coletivo, viver é um ato individual, mas por mais que saibamos disso, as vezes nos preocupamos com alguém que amamos, né? Eu sei amiga, isso é um grande erro, acho que neste dia eu estava com TPM, só pode! Definitivamente não gosto de me sentir assim e vou lutar para que não mais aconteça! Beijão pra ti Ivone, minha amiga querida do coração de ouro! Obrigada pelo teu carinho, gosto demais de ti e sabes que também te desejo toda alegria, saúde, paz, enfim, que sejas sempre muito feliz!!!

Ivone Poemas disse...

Que bom amiga que tens consciência da realidade da vida!!!
Sabe, você nem faz ideia do que é ser médium desenvolvida assim como eu ou muitas pessoas que têm sensibilidade aflorada a ponto de sentir tudo e nem sempre sabemos direito se é nossa a sensação ou se é vinda de outros lugares ou pessoas!
Você é sensível, sensitiva, médium sim, pois sinto isso em você, mas nem sequer se preocupe, pois as entidades que te protegem não são de cobrar nada de você assim como pra mim, eu não sou de rituais, de ficar presa a determinadas coisas que não seja o que faço, escrever por intuição e por psicografia, isso eu aceitei e aqui estou me comunicando com pessoas assim como você que é também uma das pessoas "escolhidas a dedo" pelos nossos amigos espirituais para "trabalharmos" de forma leve, sem muitas cobranças, vai em frente amiga, pois sua LUZ resplandece sempre para o bem de todas as gentes!!!
Abraços minha linda!!!
Ivone

Eu LU na LUZ disse...

Ivone, minha amiga mais que querida de verdade! Sinto-me imensamente feliz, imensamente grata ao Cosmos por me oportunizar conhecer pessoas raras como tu! Obrigada pelo teu carinho, tua amizade, tua LUZ... Ivone, tu és LUZ! Bjus bjus bjus