Image and video hosting by TinyPic />

Quando nos sentimos com sorte, felizes, rimos até sozinhos... Coisa boa!







Quando estamos entregues a tristeza não damos espaço a esperança, não temos perspectivas, nem sequer imaginamos que dias melhores virão. É como se nos fechássemos num casulo com a certeza da impossibilidade de sairmos dali e daquele estado. Nos cercamos de pessoas queixosas, vampiros energéticos, e como semelhante atrai semelhante, assim também adquirimos tal postura negativa.  Quanta bobagem, quanto tempo perdido, afinal tudo passa, tudo sempre passa.  E quando isso acontece, é como se estivéssemos renascendo para um mundo novo. Oportunidades e entusiasmo iniciam uma trajetória conosco. É como se a sorte descobrisse que existimos, nos conhecesse, gostasse de nós e resolvesse ficar do nosso lado. É muito boa tal sensação, de segurança, confiança em si e na vida... É muito bom o sentimento de realização pessoal... É muito bom ver que tudo está dando certo. A felicidade nos transforma, transmuta nossa energia, até as pessoas que se aproximam de nós são as bem resolvidas, de bem consigo e com a vida. As cheias de lamurias e máscaras são repelidas do nosso espaço sagrado, pois pessoas assim, não suportam nos ver feliz... Há um grande choque de energia, que faz com que estas pessoas sejam expulsas do nosso campo energético, Graças a Deus! E deste dia, do "renascimento" em diante, um círculo de paz, amor, harmonia e amigos verdadeiros é criado ao nosso redor, firmando conosco o comprometimento de uma existência abundantemente próspera, saudável, enfim, repleta de contentamento! E nossa felicidade é tanta que ao olharmos para trás parece que aquele período trevoso ocorreu a séculos, parece tão distante de nós como se fosse em outra encarnação. E aprendemos que tudo podemos quando verdadeiramente queremos... Tudo podemos quando desejamos com nossos verdadeiros   e bons sentimentos!



By  Lu Scheffelbain


Todas as reproduções, parciais ou na íntegra, 
devem fazer referência 
ao nome da autora Lu Scheffelbain 






2 comentários:

Ivone Poemas disse...

Ah amiga Lu, que lindo aqui, sua postura está tão boa diante da vida!
É mesmo assim amiga, a vida tem varias facetas, temos de aprender a escolher, sim, escolher, nem adianta ficar com dó desse ou daquele, pois se isso nos acontece, perdemos os minutos preciosos de nossas vidas, temos sim de aproveitar cada minuto, segundo, tudo para o nosso estado de alegria com nossa vida!
Temos medos, ansiedades, indecisões, mas isso é para nos fazer crescer e aprender a decidir com firmeza, pois a cada bom passo dado mais segurança adquirimos, podes crer!!!
Alegria, alegria e alegria, as boas festas se aproximam!!!
Abraços amiga.
Ivone

Eu LU na LUZ disse...

Amiga Ivone, mais que querida! E que venha 2012 transbordando alegria e mais alegria para todos nós! Bjus